sexta-feira, 14 de outubro de 2011

Sonho Real



E assim, sem avisar
Chega, toma conta
Transborda e surpreende...

Me transforma, me reanima...
Reergue e identifica!
Carinho, afeto e compreensão...

Sentimentos estranhos,
Confusos e infantis...
Inexplicável pra quem não sente...

Tão impossível,
Como se na noite,
Inesperadamente surgissem dois sóis!
Num céu estrelar...
E a lua sorrindo permitisse...
Alguns minutos de dia na madrugada!

O que pra muitos pode ser sonho...
Pra mim mais uma vez tornou-se real...

Um comentário: