domingo, 19 de dezembro de 2010

Declaração

Ontem olhei você e parei pra pensar em tudo o que sinto quando te vejo, o quão importante foi para mim neste ano que se termina e quão significativa é sua presença em meu dia-dia. Não sou apenas uma boba apaixonada, uma lerda de tanto amar um alguém que nada pode me oferecer, mas mesmo sem saber você ofereceu.
Daquele instante que ouvi uma voz de um desconhecido, que me fez transpirar sem ao menos vê-lo, da curiosidade em saber o rosto daquele cujo a voz havia me tirado do chão, a alegria em conhecer uma pessoa de tão nobre coração que sem querer arrancou coisas boas de mim.
Antes de você me sentia fria, gélida, incapaz de amar alguém novamente, de aceitar um sentimento tão nobre, de um coração que já tão duro de tanto sofrer se fechou ao mundo em sua volta!
Eis que você surgiu, do nada naquela esquina torta de minha vida, aguçando meu faro, toda vez que sinto seu cheiro!
E esse amor não me faz sofrer, me faz crescer, faz buscar outro alguém que me desperte o que você despertou em mim, me faz revelar quem eu sou, ponderar meus defeitos, exalar minha alegria original, a vontade de fazer-me ver ao mundo! É tão estranho amar você, que eu aprendi a separar meus sentimentos e quanto mais busco admirá-lo como amigo, menos sofro por querer-te como homem... e consigo separar as coisas como nunca havia feito.
Com você aprendi um sentimento maduro, terno, responsável, livre daquelas inconseqüências extremistas de meus amores adolescentes onde o mundo acabava toda vez que não era correspondida.
Ainda não sei se você vai ler isso, ou se esse sentimento vai permanecer em segredo, não sei se isso mudaria algo em minha vida, mas acho que você merece saber  que mesmo sem querer é capaz de mudar a vida de alguém e lhe agradeço por isso! Porém não convém dúvidas a cerca de mim, sou assim mesmo, louca, perfeccionista, quero salvar o mundo e ajudar todo mundo! E com você reaprendi a mostrar-me assim.

Seja feliz, serei feliz... 

E hoje eu te quero bem, mesmo longe de mim! E pra você a minha grande inspiração deste último ano as melhores coisas no próximo ano. Realizações, pessoais, profissionais, sentimentais ... plenitude da vida! Sonhos conquistas!
Que tudo em mim despertado se reflita em dobro!


Pois agora me sinto livre! Hoje eu posso voar! Pois agora eu já sei, o que acontece  quando falta a respiração... 

É a prova que o coração, reconheceu você pra fazê-lo bem!





3 comentários:

εïз Rafaella Schneider Heinzelmann εïз disse...

Ai ai ai ui ui...
Hahahahaha

Vanny disse...

Vc devia fazer ele ler isso... aahh sim..devia sim! :)
BJus!

Paulinha Hanser disse...

Que bacana vir aqui depois de taaaanto tempo, e bota tempo nisso, e ler algo tão intenso, algo que denota tanto amadurecimento!!!

Parabéns!! E voe cada vez mais!!

Bêjoo