domingo, 28 de setembro de 2008

Algo que sei lá pra quê!

Acredito,
Que eu quero ser,
Algo mais que sou!
Além que voei!
algo que sei lá,
Pra quê...
Não sei porque!


...
....
.....
Vários espaços em branco,
reticencias!
Interrogações!
Na verdade, nem sei
Se sei quem sou!


Ahhh...
Com tantos espaços,
Casos, rios, mares...
Tantos vulcões em erupção!
Sei lá pra quem,
Me perguntar o que sou!

...
....
......
Pensando bem,
Pensando em mim!
Não quero saber,
Porque para mim escrever...
Sobrariam letras e faltariam
As palavras!
Sobrariam opniões,
Faltarim verdades!
...
....
......
Meu tempo se esvaziaria!
Tentando retificar ou justificar!
Sei lá pra quem,
porque ou por onde!
Na vida temos coisas,
Que existem...
....
....
....
vou saber eu pra quê!

7 comentários:

Vitor Andrade disse...

meu amooor..
muito lindo!
vc ccomo sempre me emocionando e me deixando sem palavras!
promet vim sempre aki agora ta?

Gabs disse...

Nossaaaaaaaaa!!!
VI-A-GEI!!!
Lindo demais, amor!!!
=*

Gabs disse...

Nossaaaaaaaaa!!!
VI-A-GEI!!!
Lindo demais, amor!!!
=*

Ana Pin disse...

olá vim aqui pra dar uma lida nas coisas que eu sei que são sempre lindas, e pra deixar um beijo

até maiss!

Ana

Paulinha Hanser disse...

Naty, eu sei que li na hora que postou, e disse que não achei confuso não.
Esqueci de comentar aqui.
Na verdade achei super condizente!
Com a vida e tudo mais.

Bêjo, saudadeee

.: VaNnY SeRaFiM :. disse...

Sim..sim.. eu adoro seus devaneios..c sabe.. mas num gostei desse negocio todo preto.. pronto falei! :)

Bjooss bruxinha-poeta!

freefun0616 disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.